O que é e como curar a disfunção erétil

Cerca de 30 milhões de homens nos EUA sofrem de disfunção erétil, de acordo com o Instituto Nacional de Diabetes e Doenças Digestivas e Renais. A predominância deste problema aumenta com a idade, pois afeta somente quatro por cento dos homens na casa dos 50 anos, mas quase 17 por cento dos homens com mais de 60. Além disso, praticamente a metade dos homens com mais de 75 anos tem grandes possibilidades de sofrer com a condição.

Embora o risco de disfunção erétil aumente com a idade, não é uma consequência inevitável do envelhecimento. Pode ser mais difícil conseguir ter ereções, mas isso não significa necessariamente que haverá o desenvolvimento de disfunção erétil. Em geral, quanto mais saudável o homem for, melhor será seu desempenho sexual.

O que é e quais são as causas da disfunção erétil

A disfunção erétil A ereção é resultado de um aumento do fluxo sanguíneo. Em geral, esse fluxo sanguíneo é estimulado por pensamentos sexuais ou pelo contato direto. Quando o homem fica sexualmente excitado, seus músculos relaxam. Este relaxamento permite o aumento do fluxo sanguíneo através das artérias. Em seguida, o sangue enche os corpos cavernosos. Como as câmaras se enchem de sangue, a ereção termina quando os músculos se contraem e o sangue acumulado flui para a parte externa através das veias penianas.

A disfunção erétil pode acontecer devido a problemas em qualquer etapa do processo de ereção. Por exemplo, as artérias penianas podem estar danificadas demais para abrir corretamente e permitir que o sangue flua.

A disfunção erétil possui inúmeras potenciais causas. Dentre estas, podemos citar diabetes, danos causados por câncer ou cirurgias, lesões, estresse, ansiedade, problemas na relação, uso de drogas, consumo de álcool e cigarro. É possível tratar estes fatores individualmente ou em conjunto.

Opções para tratar a disfunção erétil

A disfunção erétil é definida como a incapacidade de conseguir ou manter a ereção. Felizmente, existe tratamento. Há uma grande quantidade de opções disponíveis. Geralmente, o tipo de tratamento depende da causa subjacente ao problema. Por exemplo, se o problema for decorrente da diminuição da testosterona, um suplemento como o Testomaster pode ser de grande ajuda para revertê-lo.

Os tratamentos também devem ser acompanhados por mudanças de orientação e estilo de vida. Às vezes, medicamentos ou cirurgia podem ser necessários. Se você sofre de disfunção erétil, é importante conversar com um médico, que poderá ajudá-lo a identificar a causa do problema e indicar o tratamento mais adequado.

Falar sobre disfunção erétil pode ser embaraçoso. Por isso, muitos homens procuram opções de tratamento online. Contudo, nem todas são seguras ou eficazes. Além disso, muitas das soluções disponíveis na internet são fraudes. É necessário investigar com cuidado para não prejudicar a saúde.

Para lidar com este problema e encontrar uma solução, é essencial consultar um médico especialista. Também é importante considerar a possibilidade de recorrer a uma terapia psicológica ou comportamental para encontrar a raiz psicoemocional do problema. Geralmente, este tratamento inclui a parceira sexual, para trabalhar questões de ritmo e comunicação.

Deixe uma resposta